3 de set de 2011

Treinos e reflexões pessoais

Hoje fiz um treino praticamente solo de pedal + corrida. Não foi o treino da planilha (80+8) pois uma laringite me pegou na 5.ª feira e para poupar o corpo um pouco, o treino acabou em 50k bike + 3k run. Não foi o ideal mas rendeu.


Confesso que no início do treino fiquei bem chateada. Além do frio intenso (6ºC) e muito vento, estávamos em apenas 3 triatletas da equipe, com ritmos muito diferentes, o que fez cada um treinar sozinho.

Nos primeiros 15km rodei bem chateada. Triste por estar ali naquele frio..sem ninguém pra puxar ou ser puxado..trocar uma idéia..fazer companhia. Passam muitas coisas pela cabeça. Saudades de quem poderia estar ali comigo; pensamentos sobre porque tanto sofrimento, tanta abdicação, tanto empenho; um misto de tristeza, chateação e raiva por estar as 7h30 da manhã passando por tudo aquilo, sendo que fui eu quem escolhi esse estilo de vida. O pensamento mais corriqueiro era: “burra, porque não ficou no rolo, com earphones, tranquila em casa?” Essa fala ficou martelando um bom tempo..

Mas depois dos 15km iniciais, e nada do frio amenizar, comecei a reverter aqueles pensamentos. Aproveitei aquele pedal e corrida para mim. Em um ambiente tranquilo, de área verde, com sol, o vento, utilizei para algumas reflexões pessoais. Foi um grande momento de instrospecção, de refletir, repensar e ajeitar algumas coisas. Pensei muito, me fiz companhia, aquietei a mente que andava muito agitada. E foi o melhor que pude fazer. Aproveitei todo o tempo para mim. Sem celular, mp3, telefone, trabalho, sem absolutamente ninguém, somente eu comigo mesma.

E depois de 2h15 saí mais leve, tranquila, aquietada, com o coração e a mente em paz. Decisões foram tomadas, questões solucionadas, metas estabelecidas e com rumo definido.

Infelizmente com a correria do dia a dia nos falta tempo para dedicar-nos um tempo quietinhos, desligar a mente, baixar a frequencia cardiaca. E isso é tão importante!

E por isso eu digo..as vezes as coisas acontecem por alguma razão. E o que parece ser ruim, acaba sendo a solução de algum problema. É só ter a sensibilidade para captar as oportunidades e fazê-las trabalharem a seu favor. Tudo tem dois lados, a metade cheia e metade vazia. Cabe a cada um adotar o seu ponto de vista.



Bom final de semana.

Um comentário:

  1. Verdade,as vezes não entendemos que algo "ruim" pode ser maravilhoso :)
    Beijos e ótima semana.

    ResponderExcluir